domingo, 8 de junho de 2014

Alguém te encontra, te reencontra, te reinventa, te encanta!

E de repente você apareceu..
"Um Encontro? O Destino? Coincidência?  Nunca vou saber...."
Ou talvez saiba...
Você apareceu e virou tudo do avesso....despertou o que eu não queria.... reascendeu o que estava apagado....escondido...quieto!
Seu olhar encontrou com o meu (E que olhar...."só isso!") me despertou a curiosidade, a ansiedade e a vontade... Não sei explicar esta sensação.... Não sei se será bom ou ruim... se é errado ou arriscado, se estou tomando a decisão certa....nem ao menos sei se tem certo ou errado!
Mas sei que suas palavras me confundem...... Teu jeito desperta em mim uma curiosidade nova, uma vontade misteriosa e um frio na barriga inexplicável... Tipo “Borboletas no Estômago”
Às vezes tenho receio,  medo de experimentar, arriscar algo novo, como isso que esta acontecendo...
 Penso muito a respeito,  e ao mesmo tempo em que sinto este  medo, vontade....PENSO.... Porque não arriscar.... Porque não curtir.... Porque não me permitir....

Apenas preciso saber a medida certa (e como sei esta medida?), até onde posso ir(tem algum limite?), pois não sei o que vai acontecer e onde isso irá me levar...mas se eu não tentar como vou saber....
Complicado ou simples....
As vezes me pego pensando e me pergunto: o que você quis dizer com a frase “Pensei que fosse embora e nunca mais fosse te ver”.... Queria saber de fato o que aconteceu naquele dia, o que você acha de tudo isso e o porquê de se arriscar, ou arriscar....
E é assim que alguém (no caso você)  te encontra, te reencontra, te reinventa, te reencanta, te recomeça!!

Só nos resta saber onde isso irá nos levar...e por quanto tempo irá  ficar!